08 fevereiro 2016

[Resenha] La La Land - O Sonho Americano, de Bruna Fontes

Título: La La Land - O Sonho Americano;
Autor(a): Bruna Fontes;
Editora: Publiki;
Número de Páginas: 384;
Ano de Lançamento: 2013.
Livro no Skoob


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Ah, o show business. Tentador e vermelho tal qual a maçã no jardim do Éden. Proibido? De certa forma. Totalmente cruel. Desleal. Arrasador. Ele te seduz e te atrai de um jeito enigmático. Leva-te até o seu limite, transforma sua mente em um mero fantoche. Ele te comanda; Ele te detona. Muda os seus princípios e acaba com seus sonhos. Quando o mundo inteiro tem algo a dizer sobre cada um dos seus passos e a vida pública é o seu alimento, o que se espera é a perfeição. Somos todos humanos errantes, mas os heróis das revistas, esses não.
Existe um lado de Hollywood que nós não conhecemos. Apenas quem está lá dentro consegue enxergar. Quer entrar?
Roxanne Winchester disse sim. E agora deixou de lado sua vida ordinária em Nova York para ser a maior promessa da música da sua geração. Los Angeles. É lá onde os sonhos são feitos. E também onde muitos deles são destruídos. Mas o que poderia dar errado para a nova queridinha do grupo mais influente de Hollywood? Estrelar uma série de TV, gravar suas canções. Mobilizar milhões de dólares e corações adolescentes. Roxy tinha tudo para ser a Estrela do momento, e foi. A sua jornada, porém, não é tão simples quanto parece.
Entre erros e acertos, amores avassaladores, a glória de realizar seus sonhos e viver em um mundo de glamour, Roxy experimenta os sabores e dissabores de ser alguém. As complicações da adolescência, os hormônios à flor da pele e a busca pela identidade também se aplicam aos famosos, por incrível que pareça, e ela mostra que nos bastidores desse show somos sim todos iguais.
O certo e o errado nunca estiveram tão próximos e as tentações estão por toda parte em Hollywood... Mas quem é que não gostaria de dar uma mordida nessa maçã?
"La La Land o sonho americano" é um dos livros vencedores do concurso Publiki Meu Livro 2013. Essa é uma trama com muito romance, bom humor e conflitos por todos os lados. Prepare-se para muita emoção!

07 fevereiro 2016

Atualizações Literárias #78 | Em Fevereiro na Editora Arqueiro

Mês de Fevereiro na área, e novos lançamentos por vir para nossas estantes! Desde romance à policial, tem para leituras para todos os gostos, com Lisa Kleypas e Mia Sheridan, mais relançamento do William P. Young, marcando presença dentre as novidades da Editora Arqueiro, e você já as confere a seguir!

A Garota sem Passado
de Michael Kardos
304 páginas

Num domingo de setembro de 1991, Ramsey Miller deu uma festa em casa para os vizinhos. Depois, assassinou a esposa e a filha de 3 anos. Todo mundo na pacata cidade de Silver Bay conhece a história.
Só que todos estão errados. A menina escapou. Sob o nome falso de Melanie Denison, ela passou os últimos quinze anos escondida com os tios numa cidadezinha remota. Nunca pôde viajar, ir a uma festa na escola ou ter internet em casa, porque Ramsey jamais foi encontrado e poderia ir atrás dela a qualquer momento.
Mas, apesar das rígidas regras de segurança impostas pelos tios, Melanie se envolve com um jovem professor da escola local e engravida. Ela decide que seu filho não terá a mesma vida clandestina que ela e, para isso, volta a Silver Bay para fazer o que nem os investigadores locais, nem a polícia federal, nem o FBI conseguiram: encontrar seu pai antes que ele a encontre.

05 fevereiro 2016

[Resenha] Apaixonada por Palavras, de Paula Pimenta

Título: Apaixonada por Palavras;
Autor(a): Paula Pimenta;
Editora: Gutenberg;
Número de Páginas: 160;
Ano de Lançamento: 2012.
Livro no Skoob


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Na crônica-título deste livro, Paula Pimenta se confessa apaixonada por palavras. O que a autora não pode confessar, por modéstia ou timidez, é que ela é também apaixonante por meio das palavras. Não é preciso mais do que um parágrafo para que você seja arrebatado pelos encantos literários dela. 
Nos romances das séries “Fazendo meu filme” e “Minha vida fora de série”, Paula encanta com o cotidiano de seus personagens. Já nas crônicas de “Apaixonada por palavras”, o encantamento se dá pelo próprio dia a dia de Paula: sua família, seus amigos, seus sonhos, seus pensamentos, suas viagens, seus amores... suas paixões. Aqui a protagonista é a Paula. Aqui é o destino dela que conta e que se conta. Aqui nos identificamos com ela e torcemos por ela. Aqui nos apaixonamos não por um belo personagem inventado, mas por uma bela pessoa de carne, osso, alma e, claro, palavras. (Eduardo Loureiro Jr. - Editor do site Crônica do Dia).

02 fevereiro 2016

[Resenha] Doce Sonho Efêmero, de Sheila Lima Wing

Título: Doce Sonho Efêmero;
Subtítulo: Doce Sonho Alado #2;
Autor(a): Sheila Lima Wing;
Editora: Clube de Autores;
Número de Páginas: 267;
Ano de Lançamento: 2014.
Livro no Skoob
Veja também: Doce Sonho Efêmero [Doce Sonho Efêmero #1]


- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

Neste segundo livro da saga DSA, Evangeline Maria Ayler já começa o sétimo ano no Instituto Educacional A. W. Sigma entrando em confusões e se deparando com uma novidade: a chegada de uma aluna nova, advinda de um misterioso instituto rival.
Além de precisar lidar com novos dramas no seu dia a dia, ela continua preocupada com o paradeiro do jovem Christofer Wing e com tantas outras questões estranhas que surgiram no ano anterior. Logo ela descobrirá que as coisas podem se tornar mais perigosas do que pensara a princípio, chegando à um patamar que foge da realidade. O verdadeiro inimigo começa a se tornar mais real, assim como outros aliados começam a surgir da forma mais inesperada.
Sempre com a ajuda de seus amigos, Evie precisará transpor novos desafios, decifrar um pouco dos enigmas já existentes, enfrentar seu lado mais impulsivo e descobrir que nem sempre as pessoas são do jeito que imaginamos. O que será que pode acontecer a uma pessoa que resolve seguir seu sonho mais efêmero?

31 janeiro 2016

[Top 5] Lançamentos mais aguardados de 2016!

2016 já está aqui há quase um mês e está na hora de fazer a minha wishlist pessoal dos lançamentos literários mais aguardados por mim nesse novo ano! Admito que tem muitos outros, na verdade, mas esses de hoje são os principais, então sim'bora conferi-los? 

Instituto Dul'Maojin [Almakia #3]
de Lhaisa Andria

Este deve ser, de longe, o meu lançamento mais aguardado desse ano. Com previsão para Setembro, após o lançamento do segundo livro ainda no início de 2014, Instituo Dul'Maojin traz novamente os personagens que tanto amo da saga fantástica de Lhaisa Andria, e eu não podia estar mais ansiosa por ele! Quero mais Krission, quero mais Garo-lin, quero mais Vinshu, quero mais Kidari... quero mais todos eles! Só não a Kronar, pode deixar ela quieta no canto dela que não faz falta - viu, dona Lhaisa? ;) Ao mesmo tempo em que estou toda empolgada para lê-lo, porém, também sei que vai ser uma leitura provavelmente tão sofrida e intensa quanto foi o segundo, portanto, preparo psicológico até esse lançamento arrasador.  

28 janeiro 2016

[Wattpad Time #11]

Hey, gente! Mais uma rodada especial de indicações no Wattpad para quem está a fim de ler algo a longo prazo mas com igual diversão de uma leitura de pouca duração. No Wattpad Time de hoje teremos indicações de uma autora já bem presente anteriormente nessa coluna, e de outras duas que, já na sua primeira publicação na plataforma, conseguiram me surpreender e envolver com sua história. Vamos lá conferir?

por Bruna Fontes (queenbrubs)
Print do dia 27 de Janeiro de 2016

Isaac sempre foi acostumado a dividir as coisas.
Sendo o único homem de quadrigêmeos, lidar com as mulheres nunca foi um problema para ele - embora às vezes fique farto das suas irmãs intrometidas. Ele acabou de tirar a carteira de motorista, está terminando o ensino médio e mal pode esperar pela viagem que fará com as irmãs e seus dois melhores amigos - Victoria e Pedro.
Tudo estaria indo muito bem para ele, obrigado, se não fosse a paixão secreta que sempre nutriu por Victoria. E agora que ela e Pedro resolveram assumir o namoro, pela primeira vez, Isaac não está tão à vontade assim em dividir.
Ele sempre soube que um dia se daria mal por causa disso, mas não contava com a surpresa que estava reservada para a vida desses seis jovens amigos. Em um piscar de olhos, tudo vira de cabeça para baixo e todos os problemas que Isaac achava ter se dissolvem como se não fossem nada. Agora ele precisa aprender a lidar com as consequências do que aconteceu, principalmente quando isso altera todos os aspectos da sua vida. Inclusive as estruturas da única coisa sobre a qual ele sempre teve certeza: Isaac, Ramona, Julieta, Laura, Victoria e Pedro sempre seriam amigos.

Por quê eu indico? Já é a terceira obra da Bruna a aparecer nessa coluna, isso já é suficiente para saber que ELA. ESCREVE. BEM. DEMAIS. Ponto. Mas caso você, caro leitor, ainda não esteja convencido disso, o motivo desta história em particular é bem simples: enredo e personagens fortes mas igualmente humanos. Platônico é o trabalho de Bruna Fontes que mais diverge de seus anteriores, por se aprofundar em uma temática mais pesada emocionalmente, envolvendo um grupo de amigos que ao término do Ensino Médio e a iminente construção de suas carreiras e objetivos para a vida, receiam a separação da amizade entre eles. Além disso, cada qual, a seu modo, tem de lidar com conflitos internos influenciados ou não pelos demais, o que é o caso do nosso protagonista principal, Isaac, único rapaz entre os quadrigêmeos da família Verucca, portador de TDAH e que sofre, ainda, pelo distanciamento da melhor amiga, Victoria, desde o seu namoro com o seu outro melhor amigo, Pedro. Ele é apaixonado por ela desde muito tempo, mas acabou por perdê-la para o amigo por nunca ter se declarado antes, e então vive em um mar de indecisão e insegura que vem afligindo-o cada vez mais, até que um acontecimento inesperado vem para tirar todos eles dos eixos. É, sem dúvidas, uma história construída com tanto cuidado e sensibilidade, aprofundando-se de uma forma tão única em cada um dos seis personagens centrais da trama, que é impossível não se envolver com ela e mesmo identificar com os personagens, mesmo com apenas sete capítulos publicados até o momento, e eu certamento recomendo que iniciem logo a leitura para acompanhar passo-a-passo o desenrolar do drama de Bruna Fontes.